Referentes

Quem queira ser rei, seja ponte. Dito galês.

ernestoHá gentes que são referentes para muitos de nós. Não se trata apenas e cá da valia intelectual, da coerência humana ou ideológica, do exemplo: quanto e sobretudo do ânimo agasalhador nas suas palavras e do universo que brilha nos seus olhos no momento de iniciarem um projeto, uma pergunta, uma explicação; em como giram arredor procurando-nos ao trabalharem e dizendo com sorriso “trabalharmos”; no jeito que desprendem os seus movimentos e acenos camaradas. Da maneira cumplice em que são quem de abranger-nos com essa palavra, com essa olhada, e meter-nos nos projetos, trabalhos, diálogos em que se andem.

Desta gente, felizmente há avondo na Galiza, pátria fascinante de projetos, labores, sonhos e atividade humana prodigiosa e incessante desde a noite dos tempos.

Bem raros entre os referentes são os referentes comuns. Essa pouca gente que na Galiza é capaz de sair do seu bando, do seu clã, do seu castro, da sua paróquia, da sua organização ou hierarquia e pôr-se a escutar, a conversar, a debater pausadamente pensando decote em colaboração e melhora com pessoal doutros espaços, doutras cores ou bandeira, doutros castros ideológicos, doutras paróquias mentais.

Deste gente, da ginea de Artur e em tábua redonda permanente, felizmente, há sempre alguma na Galiza, de guarda, em cada época e em qualquer lugar.

Erra o Estado com todas as suas ferramentas de repressão, erram os seus propagandistas no panegírico e invenção de políticas e estratégias, erra tanta censura, tanta advertência, pois nunca a cadeia, nem o isolamento, nem a crueldade inútil serviu mais que para fazer mais presentes e mais sábios os verdadeiros líderes sindicais, sociais, nacionais, revolucionários.

Exemplo, referente, motivação, conversa, prosa brilhante e instigadora, muitas são as saudades que tenho de correios e palavras de gente nunca tanto coma hoje presentes para mim, mais e mais referentes cada dia para tantos e tantos tão diferentes.

Ernesto V. Souza

Advertisements

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair / Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair / Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair / Cambiar )

Google+ photo

Estás a comentar desde a túa conta de Google+. Sair / Cambiar )

Conectando a %s